criar bons hábitos

Bons Hábitos – Como Criar e Manter

Hábitos são repetições de um ato. Criar e manter bons hábitos pode ser um desafio, por isso que vou falar sobre truques científicos e ferramentas para lhe ajudar a criar e manter os bons hábitos.

O Hábito

Entendemos por hábitos:

Inclinação por alguma ação, ou disposição de agir constantemente de certo modo, adquirida pela frequente repetição de um ato.

Sabendo disto podemos imaginar o porquê de uma pessoa que tem o hábito de guardar dinheiro, de fato o guarda, em relação a pessoa que quer guardar dinheiro.

Hábitos nem sempre são planejados:
Ao contrário, quando menos esperamos já criamos um novo hábito. Chegar em casa e colocar a chave em determinado lugar, ou acessar sempre o mesmo site de notícias são exemplos disto.

Hábitos nem sempre são bons:
Atrasar em um compromisso ou se automedicar podem ser considerados hábitos que geram algum tipo de prejuízo para pessoa que os possui.

Agora, tendo a ideia de que hábitos são naturais e que podem nos auxiliar no dia a dia, vejamos o que ocorre na falta deste e como podemos criar e manter bons hábitos.

 

A Falta de Bons Hábitos

Em momentos de nossa vida pessoal e profissional é comum nos sentirmos frustrados com nossas realizações, incapazes de alcançar objetivos ou com sensação de termos perdido tempo precioso que não voltará mais.
A promoção no trabalho que não conseguimos, uma viagem dos sonhos que nunca fizemos e a academia que pagamos mas não frequentamos são exemplos disto.

Algumas pessoas não se incomodam com a situação, buscam desculpas e passam a procrastinar como se abstivessem da responsabilidade das próprias vidas e por outro lado, a grande maioria busca meios para superar e contornar estas situações.

I have no idea what i'm doing - Imgur
I have no idea what i’m doing – Meme from Imgur

Estas ações são comuns em nossas conversas diárias como:

  • Dar valor para assuntos importantes;
  • Guardar um pouco de dinheiro todo mês;
  • Aumentar a produtividade;
  • Reservar um tempo para si mesmo;
  • Melhor Qualidade de Vida;
  • Planejar com antecedência.

Por mais que estas ações a primeira vista pareçam nos direcionar para uma melhora nem sempre as executamos com eficiência e dedicação, as abandonando sem os resultados desejados e aumentando ainda mais nossa frustração. Porém, todas estas ações possuem algo em comum:  elas se tornam altamente eficientes quando as transformamos em hábitos no lugar de promessas e desejos.

 

Criando Hábitos

Como dito anteriormente, hábitos surgem naturalmente, mas isto não quer dizer que não possamos nos condicionarmos a fim de os criarmos dada a existência inúmeros artigos, livros e estudos a respeito. Aqui, gostaria de apresentar uma pequena coletânea das ações que pude aplicar e que me trouxeram bons resultados.

 

Tempo

calendário

O tempo necessário para criarmos um hábito varia de pessoa para pessoa. Segundo o mais recente estudo do psicólogo Jeremy Dean, em média demoramos certa de 60 dias para criar um novo hábito. Nesta situação o variável tempo é proporcional a complexidade do novo hábito.

 

Truques Científicos

Pequenos passos para grandes objetivos.

Defina um grande objetivo concreto(ex. comprar um carro zero) ou abstrato(ex. ser um melhor pai) e a partir daí crie uma pequena ação diárias com o mínimo necessário para atingir seu objetivo. O interessante aqui é que não definimos um prazo, apenas nos condicionamos a fazer o mínimo e com o tempo veremos o objetivo cada vez mais próximo.

Hábito em cadeia

Aproveite um habito como gatilho para outro que deseja. Por exemplo, “eu Gostaria de ler um livro por mês”. Caso você tenha o hábito de pegar o metrô pela manhã, condicione esta ação a leitura do livro.

O trivial precisa de poucas opções

Saber de antemão o que irá vestir ou almoçar no dia seguinte evita que você gaste um tempo importante em coisas triviais. Programe estas escolhas anteriormente. Deixe para se preocupar com o mais importantes pela manhã, a hora que vocês está mais disposto para isto.

 

Ferramentas

Any.Do

Any.do é uma ferramenta do grupo TO-DO list, assim como wunderlist e todoist, e que possui uma versão free muito consistente. A ferramenta é muito intuitiva e facilita o controle de sua lista de tarefas com lembretes e sincronização de agenda. A criação de tarefas diárias recursivas se mostra uma excelente ferramenta para geração de novos e bons hábitos.

Técnica Pomodoro

A técnica pomodoro consiste em, dado um objetivo maior, dividir a execução da tarefa com duração de 25 minutos sem interrupções fazendo um breve intervalo entre elas. Após 4 execuções de 25 minutos deve-se realizar um intervalo maior de 30 minutos.

Os benefícios desta técnica vão desde a melhoria na estimativa de tarefas até ao equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.

 

Armadilhas

Planejamento inadequado

É muito frustante e desanimador quebrar um processo no meio por uma falha no planejamento inicial. Você planeja frequentar uma série de cursos online, mas no fim descobre que alguns deles não atendem sua agenda. No caso você poderia durante seu planejamento validar com mais atenção os horários dos curso e ajustar sua agenda antecipadamente. Quando estamos nos dedicando a criação de um hábito é muito importante que o planejamento seja adequado e motivador.

Alta expectativas de recompensa

Aqui cabe o clássico exemplo do “projeto verão”. Nos matriculamos em uma academia e mesmo sabendo que para atingir o objetivo precisaremos de muito tempo e esforço. Criamos uma expectativa alta e imediatista para os resultados logo após alguns dias de esforço. Quando estas expectativas não são atingidas no curto prazo, nos frustramos e desistimos do objetivo.Gerenciar a expectativa de uma maneira mais realista evitaria esta armadilha.

Auto sabotagem

Auto Sabotagem

Com um objetivo definido, planejado e com uma expectativa adequada parece que temos tudo encaminhado. Este é o momento em que podemos cair numa das piores armadilhas para criação de hábitos.
Pensamentos como não mereço isto, não sei se vale a pena ou dane-se esta porcaria, podem implodir tudo o que foi feito até o momento. Quando estiver no processo de criar um hábito tenha estes pensamentos por perto e quando ou se surgirem, saiba contorná-los e continuar com o programado.

 

Conclusão

Hábitos são comportamentos intrínsecos as pessoas e que podem transformar atividades consideradas complexas em rotineiras.
É possível criar bons hábitos que possam romper barreiras e atingir objetivos que antes pareciam muito difíceis de alcançar.

Combinar técnica e objetivos bem definidos é o primeiro passo para criação de bons hábitos. O próximo passo conta com dedicação, uso inteligente de ferramentas e contornar auto-sabotagens. Seguindo este caminho, dentro de um breve período você conquistará hábitos sólidos que diariamente serão utilizados em prol do seus objetivos.

 

Fontes
 
Marson Almeida

Marson Almeida

Profissional de TI com 17 anos de experiência sendo a maior parte do tempo em mercado financeiro, também jogo poker e já tive um pequeno Pub. Coincidência?? Obrigado pelo tempo!

2 comments

Deixe uma resposta

  • Excelente artigo!
    O any.do também uso há 2 anos, super recomendado!
    As dicas citadas achei super interessante. Pretendo colocar alguns gatilhos no meu dia a dia

     
    • Leo, se tiver outras dicas eu te passo. Agora o Any.do tem a versão para equipes, conseguimos criar task em grupo. Vou tentar utilizar!

       

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.

%d blogueiros gostam disto: