desenvolvimento de software

Desenvolvimento do Ponto de Vista da Administração

Seja qual for o seu papel: desenvolvedor, dba, analista, gerente. Alinhar a visão da empresa com o projeto de desenvolvimento software não é uma tarefa fácil.

Desenvolvimento de software do ponto de vista da administração na maior parte dos casos não é clara, quando não interpretado da maneira correta o resultado quase sempre é frustração com o resultado.

Como profissionais de TI devemos nos colocar no lugar da empresa e entender alguns aspectos importantes de como funciona o mundo corporativo e criar ou aperfeiçoar métodos para melhorar a nossa capacidade de organização e transmissão de informações de maneira adequada.

Pense em como surgiram os métodos ágeis, Scrum, FDD, BDD, cascata e outros, todos relacionados a implantação de processos com bases em problemas enfrentados no momento.

É importante ter a capacidade de conseguir se adequar a estas situações e a entender que ali existe uma oportunidade de melhoria na qualidade do nosso trabalho, segue alguns pontos:

 

Expectativa e prazo de entrega

Em uma linha de montagem de carros em uma fábrica é possível determinar o prazo de construção do automóvel por que o maquinário e os processos já estão determinados, por que em desenvolvimento de software seria diferente? O que temos normalmente é uma data alvo que é o desejo para as estratégias da empresa.

Com base nisso sabemos então por onde começar para auxiliar no processo de saber o prazo de entrega, devemos começar pelo Roadmap do que é desejado, este deve ser quebrado em pequenas partes afim de verificar se o time consegue desenvolver sequencialmente ou em paralelo, e para cada parte devem ser planejadas as tarefas.

Não entraremos de forma detalhada nas técnicas de mensuração, isto será um outro artigo mais detalhado. A intenção é demonstrar as ações necessárias que devemos tomar afim de demonstrar o esforço. Sair codificando é um erro por que é uma demonstração de aceite e chegar lá na frente perto do prazo e dizer “não deu” é um tiro no pé.

Outra forma de organizar esta visão são os blocos com as atividades em um software de gestão de projeto e frequentemente gerar relatórios de acompanhamento. Desta maneira é possível tomar algumas medidas durante o desenvolvimento como investir mais em contratação ou equipamento.

Equilibrar a expectativa com o prazo é quase uma arte. Lembre-se que as pessoas que não conhecem tecnicamente o esforço necessário no desenvolvimento vivem em um constante desconforto no sentido de que não conseguem visualizar se existe uma dificuldade ou se está tudo andando bem, neste caso é necessário ter um líder em tecnologia que consiga transmitir de forma mais abrangente os detalhes do andamento.

 

Orçamento

Orçamento – Imagem CC0 Creative Commons

Dentro de uma organização, pelo menos uma vez ao ano, se separa uma verba para os ‘N’ setores da empresa.

Normalmente se estipula o montante baseado no quanto foi gasto no período anterior. Sabendo disso nosso papel de demonstrar o esforço adequado nas nossas tarefas se torna essencial. Outro aspecto está relacionado ao planejamento de equipamentos e tecnologias, nossa responsabilidade se torna ainda maior.

Existem alguns fatores importantes a serem levados em consideração:

  • Tecnologia: Open-source ou proprietária, se escolhemos a proprietária deve ser mostrado os ganhos envolvidos com isso.
  • Infraestrutura: Cloud ou On-Premises, dependendo da tecnologia usada o custo pode variar bastante, assim como quando os acessos aumentarem. Tudo isso deve ser levado em consideração.
  • Mão de obra: Deve-se avaliar disponibilidade no mercado dependendo da tecnologia, se caso o profissional for mais caro deve-se avaliar o retorno que sera dado para a empresa.
  • Operações: Após o software no ar, quanto custa a operação de atendimento e suporte?
  • Evolução: Qual o custo de reciclagem,  com o tempo, para os profissionais? Após um ano de projeto quanto custa para se renovar?

Você já parou para pensar no seu valor para a empresa? Você entrega algum diferencial ou só cumpre o seu papel?

Pense na sua responsabilidade, todos os pontos são delicados, mas o mais importante é demonstrar que está preocupado com os estes aspectos.

Pense em quanto custa um projeto de software, você vai se surpreender com o valor.

Todos os pontos acima são colocados em um planejamento orçamentário que é controlado de forma mensal e acompanhado de perto.

 

Operacional da empresa

operacional
CC0 Creative Commons

Existe um processo operacional nos casos em que o software deve ser sustentado, isto envolve processos internos e mão de obra especializada e uma boa dose de atendimento em alguns casos. Muitas vezes esta preocupação em muitos casos vem depois da entrega da primeira versão, o que pode ser um problema.

É papel dos responsáveis iniciar um trabalho interno na empresa antes do lançamento relacionado aos seguintes aspectos:

  • Avaliar se as pessoas estão sendo treinadas na operação do software, pessoal de atendimento N1, N2 e N3.
  • Avaliar se existe estrutura de suporte e atendimento com conhecimento adequado.
  • Avaliar se existe uma cultura de feedback constante de quem usa a aplicação.
  • Métricas de uso e governança para gerar insumos para a evolução constante da aplicação.
  • Gestão financeira associado ao ROI.

Pense no assunto anterior relacionado ao orçamento e prazos, você incluiu os custos com pessoas na operação? Você previu um prazo para treinamentos? Todos estes aspectos costumam pegar de surpresa.

 

TI como negócio

A expectativa da empresa em médio prazo é que a TI ganhe um conhecimento maior no negócio, assim será capaz de tomar algumas decisões que antes dependiam de outro profissional, o ganho que a empresa tem neste sentido é uma equipe mais independente que entrega mais resultados, também no sentido de legado onde conforme for havendo novas contratações a informação sobre a empresa passa de forma mais natural e a curva de aprendizado neste sentido é progressiva.

Por isso que algumas pessoas se tornam chave dentro de TI, ganham tanto conhecimento que viram ponto de referência.

Quando não há passagem de conhecimento e estas pessoas saem da equipe isto afeta diretamente a empresa. Por isso é importante ter responsabilidade e ajudar na implantação de processos que ajudem a disseminar o conhecimento e a melhorar o desenvolvimento, cada integrante se torna uma engrenagem que evolui a maquina de forma direta aumentando o seu poder.

 

Por que devemos olhar por outro ângulo?

Normalmente implantamos processos de trabalho baseados sempre no outro ângulo de visão, os processos existem para organizar a forma com que pessoas diferentes com formas diferentes de pensar trabalhem em conjunto.

Imagine isso somente na equipe técnica, veja o quanto de esforço e o quanto de informação existe em torno disso. Agora expanda a visão e pense em um organismo dentro de uma corporação, imagine o trabalho em dar a visibilidade correta.

Independente da sua função você conseguira melhorar como profissional tendo tal preocupação, além de aumentar seu leque de atuação.

 
Fernando Zendron - Diretor Sciensa

Fernando Zendron - Diretor Sciensa

Engenheiro de software a 15 anos e atualmente atuando na coordenação de projetos. Jogador de vídeo game profissional e entusiasta de tecnologia, atualmente aguardando um convite da NASA pra ir pra marte.

Add comment

Deixe uma resposta

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.